A DESERTIFICAÇÃO NO ALENTEJO


- Uma aventura na Web -


Introdução Tarefa Processo Orientações Recursos
Conclusão Avaliação Destinatários Autoras
 

Introdução

 

   "Um dos grandes problemas ecológicos dos nossos dias reside no facto de que o ritmo de exploração, degradação e destruição dos recursos naturais se tornou, em muitos domínios, mais acelerado do que a capacidade da natureza para os repôr".

José Manuel Laranjo e outros

 

 

  Embora existam inúmeras ameaças globais que afectam o equilíbrio do nosso planeta, não devemos descurar   condicionantes específicas dos diversos países e regiões.                          
    A degradação ambiental relaciona-se, geralmente, com uma situação de exploração e despojo dos recursos naturais.
    No Alentejo, o solo representa um recurso da maior importância. Todavia, o esgotamento deste recurso constitui, hoje, uma ameaça concreta.
    Em relação a esta problemática convidamos-te a reflectir e a procurar soluções.

Voltar ao início

 

 

Tarefa
 

Imagina-te um biólogo a quem foi confiado, pelo Ministério do Ambiente, o estudo da actual situação de degradação do solo e desertificação no Alentejo, com vista à identificação de soluções para o problema.
    Para cumprires, devidamente, a tua missão, deverás apresentar os resultados a que chegaste, sob a forma de um relatório.

Voltar ao início

 

Processo
 

Lembra-te de que no teu estudo deverás:

1 -  recolher o máximo de informação sobre o tema proposto;

2 -  analisá-la com objectividade;

3 -  formular as tuas hipóteses de soluções;

4 -  confrontá-las com a informação recolhida;

5 -  elaborar o teu relatório.

Voltar ao início

 

Orientações
 

Terás de registar a informação recolhida no processador de texto e elaborar um relatório da tua actividade onde deverás incluir:

    1 - o ojectivo geral do trabalho;

    2 - uma caracterização genérica da região Alentejo, sobretudo, no que se refere aos tipos de solos predominantes;

    3 - os dados recolhidos àcerca da desertificação do solo no Alentejo (causas, situação actual e possíveis formas de luta de combate à desertificação);

    4 - as conclusões a que chegaste;

    5 - a tua opinião face ao fenómeno, bem como a estratégia que adoptarias para uma minimização do problema.

Voltar ao início

 

Recursos
Localização e caracterização geral da região Alentejo http://snig.cnig.pt/snig/info.html
Recursos para a disciplina de I.D.E.S. http://www.minerva.uevora.pt/ides/
Poluição dos solos http://www.cidadevirtual.pt/comismar/asa03p.html
Agricultura em Portugal http://www.planeta-terra.com/np/agr/
O que é a desertificação?/Desertificação no Mundo http://www.mma.gov.br/port/redesert/menu/index.html
Directório do Ambiente http://www.netmais.pt/ambiente/
European Environment Agency http://www.eea.eu.int/
European Environment Agency - Solos http://themes.eea.eu.int/theme.php/state/soil
Direcção Geral do Ambiente http://www.dga.min-amb.pt/arvore.html
Ambiente: Opiniões/Sugestões
(chat para publicação)
http://www.geocities.com/RainForest/5688/index.html

Voltar ao início

 

Conclusão
 

Como vês, a conservação do planeta  que habitamos depende, em muito, da vontade e empenho de cada um de nós. A desertificação dos solos constitui, hoje, um problema efectivo com que nos deparamos. Sendo o solo um  substrato essencial à vida, o mesmo deve ser protegido das agressões que contribuam para a sua progressiva erosão e consequente desertificação. Assim, será, sobretudo, através de práticas agrícolas adequadas que deverá começar a preservação deste recurso.

    As ameaças ao nosso planeta não se esgotam na questão da desertificação dos solos. Muitos outros problemas ameaçam pôr em risco o equilíbrio dos nossos ecossistemas, nomeadamente, o aquecimento global do planeta, as chuvas ácidas, a destruição da camada de ozono, etc, etc... Cabe-te a ti, como cidadão do Mundo, conheceres estas e outras questões para expandires os teus conhecimentos.

    Voltar ao início

 

  Avaliação
 

A avaliação deste trabalho terá em atenção os seguintes critérios:

    1 -  linguagem clara e objectiva;

    2 -  criatividade e apresentação;

    3 -  rigor científico.

Voltar ao início

 

  Destinatários
 

    Todos aqueles que se interessam pelas questões ambientais, em geral, e alunos do ensino secundário, na realização de trabalhos interdisciplinares, em particular.

    NOTA: Esta aventura poderá, igualmente, ser realizada por alunos do 3º ciclo do ensino básico, desde que apoiados, mais proximamente, pelos professores.

Voltar ao início

 

  Autoras
  • Mariana Palma Ferreira - Professora Efectiva do Quadro de Nomeação Definitiva, do 7º Grupo, da Escola EB 2,3 ES de S. Sebastião de Mértola.
  • Maria Virgínia Braisinha Sebastião Baioa - Professora Efectiva do Quadro de Nomeação Definitiva, do Grupo 11º B, da Escola EB 2,3 ES de S. Sebastião de Mértola
  NOTA: Esta aventura foi realizada para a Iniciativa Europeia Netd@ys99 no âmbito da Acção: " A Internet com Recurso Didáctico - Criação de Aventuras na WEB", no Centro de Competência Nónio da Universidade de Évora, no ano lectivo de 1999/00.

Voltar ao início